Skip to content

Ergonomia para interiores

03/17/2012

Ergonomia para interiores

A associação brasileira de ergonomia , adota a definição oficial de ergonomia nos seguintes termos:

“A ergonomia (ou Fatores Humanos) é uma disciplina científica relacionada ao entendimento das interações  entre os seres humanos e outros elementos ou sistemas, e à aplicação de teorias, princípios, dados e métodos a projetos a fim de otimizar o bem estar humano e o desempenho global do sistema.  Os ergonomistas contribuem para o planejamento, projeto e a avaliação de tarefas, postos de trabalho, produtos, ambientes e sistemas de modo a torná-los compatíveis com as necessidades, habilidades e limitações das pessoas.

Dessa forma, não resta dúvidas que a ergonomia é a ciência que garante que os espaços devem ser desenvolvidos para o uso confortável das pessoas.

A ergonomia surge após a 2ª guerra, com a necessidade de adaptar a interface entre homem e máquina. A ergonomia nasce com o objetivo básico de segurança, bem-estar dos trabalhadores em seus sistemas produtivos.

Diferentemente do Taylorismo que buscava eficiência e aumento de produção, na ergonomia a eficiência vem como resultado da satisfação do trabalhador.

No Brasil, apenas na década de 60 o termo surge em um trabalho acadêmico: a Ergonomia do Manejo de  Itiro Iida na USP. Ao mesmo tempo que algumas pesquisas introduziam o tema na Psicologia e na medicina.

Agora, retornando ao conceito de ergonomia, quando pensamos no trabalho do designer devemos levar em conta seu amplo campo de atuação, que não se limita ao espaço de trabalho.  Todos os aspectos da atividade humana devem estar contemplados em um projeto de interiores:

Vamos pensar na seguinte colocação: O designer, ao criar um espaço de leitura, por exemplo, deve pensar muito mais do que um lugar para sentar.
Deve pensar que a poltrona escolhida deve se adaptar melhor ao corpo de quem vai ler, deverá ter uma mesa de apoio para livros, papeis de anotação, uma xícara ou copo, deve existir iluminação suficiente e adequada, os materiais de revestimento devem ser adequados à essa atividade, a acústica do local deve ser boa o suficiente para criar isolamento e permitir a imersão na leitura.
Assim, a ergonomia em interiores é muito mais do que colocar as bancadas há 90cm do chão, ou ainda criar um layout triangular para uma cozinha, ou não colocar o microondas acima da linha dos olhos do usuário. A ergonomia se propõe a levar em consideração o conforto (no seu sentido mais amplo) do usuário do espaço, tornando o ambiente agradável, seguro e adequado as funções cotidianas.
Anúncios
Deixe um comentário

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: